O templo do surf

Rochas, mar verde e ondas perfeitas

Rochas, mar verde e ondas perfeitas

Os apaixonados pelo surf não terão dúvida de onde foi tirada essa foto. A combinação de enormes paredões de pedra, mar verde e ondas perfeitas é conhecida por todos e ir até lá é sonho de muitos.

Descer as escadas esculpidas ou construídas na pedra traz surpresas e um visual mais bonito a cada degrau. Chega-se a areia ainda em meio às rochas, que formam uma caverna mágica. A pequena brecha que leva ao mar muitas vezes também está com água, o que dificulta pra entrar e sair do mar.

Visual da chegada com a maré baixa

Visual da chegada com a maré baixa

Mas nada disso impede que muuuuuitos surfistas aproveitem o pico mais famoso de Bali: Uluwatu.

uluwatu04

uluwatu05

uluwatu06

uluwatu13

É possível pegar onda em diversos pontos em frente às rochas de Uluwatu. A grande extensão de mar surfável tem diversos picos, com partes mais tubulares, ondas mais curtas, menos gente…. é só escolher. O fundo de pedra é traiçoeiro e é muito comum ver a galera sair sangrando da água, mas não se vê ninguém triste por isso nem por nada.

Eu que só estava lá para assistir, me posicionei muito bem. Chegando na caverna é possível subir nas pedras que ficam de frente pra todo o pico, tem até uma casinha pra ficar instalada confortavelmente.

Eu pequenina na caverna

Eu pequenina na caverna

uluwatu11

Linhas perfeitas de ondas

Anúncios

Sobre mairinhanomundodalua
Por aí, no mundo da lua

One Response to O templo do surf

  1. Chico says:

    Sensacional, a chiquita está cada vez melhor e demais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: