Mudando de assunto

Uma viagem de férias rende muitos posts. São várias cidades e muita coisa para mostrar. Aí aquelas viagens menores e as que fiz antes de começar a escrever este blog ficam completamente escanteadas. Já tentei diversas vezes resolver isso, mas acabo sempre deixando de lado e me concentrando na minha viagem mais próxima. Só que eu mesma sinto falta de contar algumas coisas sobre lugares que eu gostei e gosto tanto.

Sobre as minhas férias de verão só contei pra onde eu fui, mas nada de botar um post aqui. A viagem pra China e Tailândia foi uma das melhores com certeza, mas ganhou poucos posts mesmo com essa promessa aqui. E o tédio? Ah, pois é… tudo que é muito repetitivo me cansa. Acho que escrever sobre Marraquexe, Portugal, Paris, Barcelona e Madrid rendeu tanto porque são cidades e países com coisas bem diferentes, e ainda tem mais coisa pra colocar aqui.

Vou selecionar minhas fotos e minhas memórias e dar uma chacoalhada nesse blog 😉

Os lugares que eu não conheci

Olha o que eu perdi… isso que passei ali do ladinho. Não fui um pouco por falta de tempo, mas principalmente por falta de planejamento.

Em Paris:

Ponte Alexandre III – a mais bonita de Paris

Saint Sulpice – ficou ainda mais famosa por causa do Código Da Vinci

Grand Palais e Petit Palais – lindos por fora e por dentro

Saint Eustache – tem o maior órgão de tubos do mundo, são 8000 tubos

Sainte Chapelle – se eu soubesse desso teto antes…

Lisboa:

Castelo de São Jorge – que vista!

O bom disso tudo é que não faltarão motivos para viajar mais 😀

Parecia legal

Mas não é!

Na Sagrada Família vendem um ticket conjugado para visitar a casa que Gaudí morou dentro do parque Güell. Praticamente dinheiro posto fora.

A casa tem alguns móveis originais da residência e outros que são obra do artista, tudo com pouca informação. Não valeu a pena.

Olhar a casa só de fora já está ótimo.

Por fora a casa é bem legal

Um charme, não?

Não dá pra dizer que foi uma roubada, já que ia até o parque de qualquer jeito e o valor do ticket era bem barato. Além disso, justamento por não ter muita coisa, o tour ali dentro dura pouco tempo.